Página Inicial
Acervo Iconográfico III
Heráldica e Vexilologia
Loja Virtual

LIVRO
Padre Sarmento de Benevides: poder e política nos sertões de Mombaça (1853-1867)
APOIO CULTURAL
Restaurante & Pizzaria Braseiro
Lótus Produtos Dermocosméticos
Magazine Pneus
Centro Comercial Pedro Tomé
MEMBRO
ASBRAP - Associação Brasileira de Pesquisadores de História e Genealogia
ACE - Associação Cearense dos Escritores
ANPUH - Associação Nacional de História
CRA-Ce - Conselho Regional de Administração do Ceará
Clique para ouvir o depoimento de Fernando Cruz à rádio Assembléia FM 96,7 sobre a história político-administrativa de Mombaça, em 16/03/2009.
PageRank

Voltar para a página anterior

Untitled Document

ACERVO ICONOGRÁFICO II

 


Solenidade em comemoração aos 25 anos (Jubileu de Prata) de sacerdócio do padre José Pereira de Oliveira na paróquia de Nossa Senhora da Glória, no dia 30 de novembro de 1968. José Pereira de Oliveira era filho do casal Estevão Pereira de Oliveira e Joana Batista de Oliveira. Nasceu em 29 de dezembro de 1913, no sítio Cipó, então jurisdição do município de Iguatu - hoje de Jucás (antigo São Mateus). Sua vida sacerdotal iniciou-se com a celebração de sua primeira missa, em ato solene, na matriz de Senhora Santana, em Iguatu, em 14 de dezembro de 1941. Durante todo o ano de 1942, permaneceu em Fortaleza, agora como lente do Seminário e capelão do Dispensário dos Pobres. Nomeado vigário da paróquia da então Maria Pereira - hoje Mombaça-Ce -, em 31 de janeiro de 1943, tomou posse do paroquiato em ato solene no dia 7 de fevereiro do mesmo ano, ocasião em que apresentou um arrojado programa de trabalho e pediu o apoio dos paroquianos para o enfrentamento dos desafios, sob a égide do seguinte lema: "Fazer a felicidade do povo e ajudá-lo a ir até Deus." Empreendeu um intenso trabalho social em prol do bem estar dos seus paroquianos, destacando-se a fundação do Patronato Padre Pedro Leão, depois transformado no que é hoje o Ginásio e Escola Normal Divino Salvador, cujo terreno foi doado pelo casal Raimundo Rocha Andrade e Maria Umbelina de Andrade Rocha. O padre José Pereira de Oliveira permaneceu na vigararia de Nossa Senhora da Glória de janeiro de 1943 a agosto de 1970, durante 27 anos e 7 meses, com um breve interregno de alguns meses no ano de 1963, em que foi substituído pelo padre José Aluísio Moreira (1933-?). Ao sair de Mombaça foi residir em Fortaleza, onde atuou, como celebrante cooperador, na Paróquia do Patrocínio, durante todo o restante de sua vida. Faleceu em 16 de junho de 1998, em Fortaleza-Ce, onde foi sepultado no cemitério São João Batista. No dia 16 de julho de 2002, em ato solene, seus restos mortais foram trasladados para a cripta da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Glória, de Mombaça, templo que ele mesmo, com muito amor, terminou de construir.


Na fotografia, vemos, da esquerda para a direita: o governador do Estado do Ceará Plácido Aderaldo Castelo (1906-1979), o bispo da diocese de Iguatu dom José Mauro Ramalho de Alarcon e Santiago, o deputado estadual Francisco Castelo de Castro (1922-1990), o deputado estadual Paulo Feijó de Sá e Benevides (1907-1990), o vereador Onofre Vieira dos Santos, o vereador José Venício de Lima Martins, o vereador Joaquim de Assis Queiroga e o padre José Pereira de Oliveira (1913-1998), entre outros.

Fonte: OLIVEIRA, José Batista de. Família Alves de Oliveira: genealogia e outras memórias. Fortaleza: Edições Livro Técnico, 2004.

Untitled Document


© Copyright 2005-2017 Maria Pereira Web - Todos os direitos reservados.
David Elias - (85) 9954.0008