Página Inicial
Acervo Iconográfico III
Heráldica e Vexilologia
Loja Virtual

LIVRO
Padre Sarmento de Benevides: poder e política nos sertões de Mombaça (1853-1867)
APOIO CULTURAL
Restaurante & Pizzaria Braseiro
Lótus Produtos Dermocosméticos
Magazine Pneus
Centro Comercial Pedro Tomé
MEMBRO
ASBRAP - Associação Brasileira de Pesquisadores de História e Genealogia
ACE - Associação Cearense dos Escritores
ANPUH - Associação Nacional de História
CRA-Ce - Conselho Regional de Administração do Ceará
Clique para ouvir o depoimento de Fernando Cruz à rádio Assembléia FM 96,7 sobre a história político-administrativa de Mombaça, em 16/03/2009.
PageRank

Voltar para a página anterior

Untitled Document

NOTÍCIAS

A ESCRITORA MOMBACENSE MARIA DA GLÓRIA SÁ ROSA FOI HOMENAGEADA PELA FUNDAÇÃO DE CULTURA DE CAMPO GRANDE (FUNDAC) E PELA UNIÃO BRASILEIRA DE ESCRITORES DE MATO GROSSO DO SUL (UBE-MS)

 

01/06/2006


A professora e escritora mombacense Maria da Glória Sá Rosa ladeada pelo escritor Affonso Romano de Sant’Anna e pelo prefeito de Campo Grande Nelson Trad Filho

Uma noite recheada de cultura. Desde a entrada do auditório da Casa da Indústria, os convidados respiravam a arte com uma exposição das obras do escritor Affonso Romano de Sant’Anna, palestrante da noite. A abertura da XIX Noite Nacional da Poesia foi marcada pela apresentação artística do grupo de dança Companhia de Arte da Uniderp, que iluminou os olhares da platéia. Presente a solenidade, o prefeito Nelsinho Trad acompanhado pelo presidente da Fundac, Américo Calheiros reafirmou mais uma vez que a cultura é a prioridade da administração.

“A cultura renova uma cidade e, mantida viva, faz a alma da cidade viver”, observou o prefeito contando ao público que este é o quarto evento cultural que a Fundac realiza esta semana e que ele prestigia. Já o presidente da Fundac denominou o prefeito como “o pai da cultura de Campo Grande”. Américo enfatizou que a cultura precisa estar presente na vida das pessoas e esta é a proposta da Prefeitura em parceria com os escritores tem levado oficinas em todos os bairros da cidade.

Anualmente, a Fundac e a União Brasileira de Escritores de Mato Grosso do Sul (UBE/MS) prestam homenagem a ícones da cultura. Este ano foi a vez da professora Maria da Glória Sá Rosa e de Arassuay Gomes de Castro (in memorian) serem homenageados pelos órgãos. Para homenagear a professora Glorinha, como carinhosamente é conhecida entre os colegas, o poeta performático Ruberval Cunha recitou alguns poemas. A homenageada também recebeu uma placa das mãos do prefeito.

Para Glorinha, “um professor não é nada se não formar alunos melhores do que ele”, disse ela se referindo à composição do poeta performático e a outros ex-alunos seus presentes. O presidente da UBE/MS, Elias Borges, destacou que todos os anos a Noite da Poesia é um sucesso. Ele agradeceu ao prefeito pela sensibilidade e observou que a cultura promove a “ética civilizatória” na formação dos homens. “Este projeto marca nossas raízes. Em Campo Grande, os poetas estudam em oficinas de textos e poéticas graças à realização da Fundação”, enfatizou Borges.

Com poemas musicados por Fagner e Martinho da Vila, diversos títulos publicados em impressão e gravados em CD, o renomado escritor Affonso Romano de Sant’Anna encerrou a XIX Noite da Poesia com chave de ouro, ministrando uma palestra sobre o contexto social do país. Estiveram presentes ao evento mais de 300 pessoas ligadas à área da cultura em Campo Grande e em outras regiões do país.

(Fonte/Texto: Maria Antonieta Mtb/MS 164; Foto: Denilson Secreta)

A XIX Noite Nacional da Poesia, promovida pela Fundac e pela UBE-MS, foi realizada no auditório da Casa da Indústria, em Campo Grande-MS, nos dias 17 e 18 de maio de 2006.


© Copyright 2005-2017 Maria Pereira Web - Todos os direitos reservados.
David Elias - (85) 9954.0008