Página Inicial
Acervo Iconográfico III
Heráldica e Vexilologia
Loja Virtual

LIVRO
Padre Sarmento de Benevides: poder e política nos sertões de Mombaça (1853-1867)
APOIO CULTURAL
Restaurante & Pizzaria Braseiro
DFL Limpeza Urbana
Lótus Produtos Dermocosméticos
Magazine Pneus
Centro Comercial Pedro Tomé
Premium Hotel
MEMBRO
ASBRAP - Associação Brasileira de Pesquisadores de História e Genealogia
ACE - Associação Cearense dos Escritores
ANPUH - Associação Nacional de História
CRA-Ce - Conselho Regional de Administração do Ceará
Clique para ouvir o depoimento de Fernando Cruz à rádio Assembléia FM 96,7 sobre a história político-administrativa de Mombaça, em 16/03/2009.
PageRank

Voltar para a página anterior

Untitled Document

ARTIGOS

ERRAR É HUMANO

 


Peças promocionais dos produtos Adaptis.

Fernando Antonio Lima Cruz

Errar faz parte do aprendizado. Os tombos fazem parte da trajetória profissional.

Em maio de 2011, após 13 meses trabalhando na Expressa, líder do mercado brasileiro de distribuição de medicamentos, onde atuava como Consultor Técnico da Divisão de Materiais e Equipamentos com os produtos da linha cirúrgica da Bausch & Lomb, pedi demissão para ingressar na Adapt Produtos Oftalmológicos.

Na Adapt seria o responsável pelo startup da Linha Farma - Adaptis 0,5% e 1,0%, Adaptis Fresh e Adaptis Gel (linha de lubrificantes oculares) e da Linha Consumo - Hidro Health (linha completa de produtos de manutenção para lentes de contato).

Foi o maior erro da minha carreira profissional. A Adapt, apesar da experiência na comercialização de produtos cirúrgicos oftálmicos, não tinha nenhum "know-how" na fabricação e comercialização de medicamentos.

Em parceria com o Laboratório Poen, da Argentina, importava a linha de lubrificantes oculares Adaptis (por sinal excelentes produtos, tendo inclusive o Adaptis Fresh, o único hialuronato sódico no Brasil).

Porém, a falta de gestores com experiência na Linha Farma e, principalmente, a falha na logística de distribuição dos produtos nas farmácias, transformou essa parceria em um fiasco. Os pacientes retornavam ao consultório do médico oftalmologista sem encontrar o lubrificante ocular ou a receita era substituída por um produto similar no balcão da farmácia.

Felizmente a linha de lubrificantes oculares Adaptis voltou ao mercado brasileiro, em 2014, por meio da parceria da Legrand Pharma com o Laboratório Poen.

(Publicado no jornal Folha de Mombaça, Ano XLI, nº 188, Abril/2017).




© Copyright 2005-2017 Maria Pereira Web - Todos os direitos reservados.
David Elias - (85) 9954.0008