Página Inicial
Acervo Iconográfico III
Heráldica e Vexilologia
Loja Virtual

LIVRO
Padre Sarmento de Benevides: poder e política nos sertões de Mombaça (1853-1867)
APOIO CULTURAL
Restaurante & Pizzaria Braseiro
Lótus Produtos Dermocosméticos
Magazine Pneus
Centro Comercial Pedro Tomé
MEMBRO
ASBRAP - Associação Brasileira de Pesquisadores de História e Genealogia
ACE - Associação Cearense dos Escritores
ANPUH - Associação Nacional de História
CRA-Ce - Conselho Regional de Administração do Ceará
Clique para ouvir o depoimento de Fernando Cruz à rádio Assembléia FM 96,7 sobre a história político-administrativa de Mombaça, em 16/03/2009.
PageRank

Voltar para a página anterior

Untitled Document

HISTÓRIA

Fac-símiles da ata de instalação da Vila de Maria Pereira, ocorrida em 15 de janeiro de 1853. (Fotos: Fernando Cruz)

INSTALAÇÃO DA VILA DE MARIA PEREIRA

 

Cópia da Ata de Instalação da nova Villa de Maria Pereira de Nossa Senhora da Glória de Maria Pereira

Saibão quanto este Instrumento virem que no anno do nascimento de Nosso Senhor Jesus Christo de mil oitocentos cincoenta e tres annos Vigesimo dessimo terceiro da Independencia e do Imperio do Brasil, aos 15 de janeiro pelas nove horas da manhã nesta Villa de Nossa Senhora da Gloria de Maria Pereira, comarca de Quixeramobim da Provincia do Ceará Grande em casas destinadas para as funções da Camara Municipal, onde se acharão reunidos os senhores Presidente Manoel Procopio de Freitas e mais Vereadores João Alves de Carvalho Gavião, José Gonçalves de Carvalho, José Joaquim Benevides, Antonio Claudio de Almeida, comigo Secretario [...] ahi comparecerão os cidadãos abaixo assignados para efeito de se proceder a instalação da dita Villa, criada por Lei Provincial sob numero quatorze, de vinte e nove de novembro de mil oito centos cincoenta e hum para inteiro vigor do dito Auto comprirão-se as formalidades da Lei determinada nos Artigos primeiro e segundo do Decreto de treze de Novembro de mil oitocentos e trinta e dois e Decreto de vinte e dois de julho de mil oitocentos e trinta e tres, observando-se o disposto na mencionada Lei Provincial, a cerca dos limites e patrimonio da Camara Municipal da mesma Villa. E para perpetua Memória, se lavrou este Auto na conformidade [...] para o fim nella declarado, o qual foi lido pelo actual Secretario desta Câmara em voz alta e intelligivel perante a mesma Camara e Cidadãos já indicados e Eu Julião Antonio Guimarães Secretario escrevi. = Manoel Procópio de Freitas - P = João Alves de Carvalho Gavião = José Gonçalves de Carvalho = José Joaquim Benevides = Antonio Cláudio de Almeida = O Vigário Antonio José Sarmento Benevides = o Padre Luis Barbosa Moreira = João Alves de Carvalho Tatajuba = Bernardino Lopes de Morais = Francisco Aderaldo de Aquino = Antonio Benedito de Paula = José Vitorino de Lima Galuxo = Manoel Rabello Vieira = Francisco Pedro de Freitas = José Ferreira Marques = José Franklin = Antonio Lourenço Tavares Benevides = Fructuoso Lopes de Fontes Braga = Manoel Joaquim Cavalcante = Antonio de Lemos de Almeida = José Francisco de Menezes = Francisco de Goes e Mello. Está conforme o Secretario Julião Antonio Guimaraens.


Fac-símile do ofício enviado ao presidente da Província do Ceará, Dr. Joaquim Marcos de Almeida Rego, comunicando a posse, o início do exercício da vereança e a instalação da nova vila, através da 1ª sessão ordinária, ocorrida em 17 de janeiro de 1853. (Foto: Fernando Cruz)

Ill.mo Exmº Senr.

Esta Câmara tem a honra de levar ao conhecimento de V. Ex.ca que no dia 15 do corr.e tomou posse e entrou em exercício, assim como instalou-se esta Villa, como V. Ex.ca verá da copia da instalação na forma d’estilo e leis em vigor.

Deos Ge a V. Ex.ca

Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Maria Per.ª 17 de Janº de 1853

Ill.mo Ex.mo S.r D.r

Joaquim Marcos de Almeida Rego

Presidente desta Província

Manoel Procópio de Freitas - P.

José Joaquim Benevides

José Gonçalves de Carv.º

Antonio Claudio de Almd.

Francisco Aderaldo de Aquino


(Fonte: Arquivo Público do Estado do Ceará - APEC)

Música-tema da página: Odeon, de Ernesto Júlio Nazareth (1863-1934), pianista e compositor brasileiro, considerado um dos grandes nomes do "tango brasileiro" ou, simplesmente, choro.


© Copyright 2005-2017 Maria Pereira Web - Todos os direitos reservados.
David Elias - (85) 9954.0008